quinta-feira, 5 de junho de 2014

Desperdício zero 2: patê de frango, arroz de moqueca e shepherd's pie

Geralmente, segunda é dia de usar a criatividade e criar um prato bonito, gostoso e fácil de fazer usando o que sobrou na geladeira da semana anterior. Essa semana não foi diferente. Por falta de um, consegui criar três pratos com os célebres restinhos. Eram eles: sobrecoxa de frango cozida proveniente da marmitinha que a Rita levou para mim sexta no escritório, moqueca maravilhosa da nossa querida amiga Carla, carne moída remanescente das minhas produções culinárias, arroz e batata. Eles viraram, respectivamente, um delicioso patê de frango, arroz de moqueca e uma versão inventada por mim para o famoso prato britânico Shepherd's Pie. O patê de frango é ridiculamente fácil! É só misturar em uma tigela pequena a sobrecoxa desfiada, cebola e salsinha bem picadinhas (mais ou menos uma colher de sopa), 1 colher de sopa de maionese, 1 colher de chá de mostarda dijon, sal e pimenta do reino. Servido com torradinhas vira um delicioso aperitivo, com pão integral, um lanche caprichado e acompanhado de uma saladinha, um almoço leve! Confesso: eu comi com pão integral no café da manhã mesmo!

Patê de frango

Para matar dois restos com uma panela só, fiz o tal do arroz de moqueca. Separei as postas de peixe do refogado e desfiei. Em uma panela média, coloquei o arroz cozido, uma boa quantidade de azeite e 2 dentes de alho laminados. Quando o alho começou a ficar macio, acrescentei salsinha e cebolinha picadas, um punhado de pimenta calabresa e uma colher de chá de açafrão. Dei uma mexidinha, deixei no fogo para apurar o sabor e só.

Arroz de moqueca
Próximo salvado: um dos pratos de maior sucesso da minha cozinha (pelo menos na opinião da minha mãe e irmã...suspeito), a Shepherd'd Pie adaptada. A receita original leva carne de cordeiro e eu uso carne moída de boi mesmo. Além disso, eu coloco páprica picante e canela para dar um sabor mais acentuado e brazuca. Primeiro, cozinhei as batatas, que estavam quase dando broto, e fiz um purê. Eu já tinha umas duas xícaras de carne moída refogada com cebola e ervilha. Apenas adicionei (à carne, em uma panela, óbvio) 1/2 cenoura cozida picada (que também tinha sobrado da marmita da mamãe), 1 colher de café de páprica picante, 1 colher de chá de canela, 1 colher de sopa de farinha de trigo e cerca de 1/3 de xícara de leite e misturei bem. Deixei no fogo até ferver. Depois, coloquei o refogado de carne em um refratário, cobri com purê e salpiquei queijo parmesão fresco. Levei ao forno médio por uns 15 minutos. Eu e o Julio comemos com salada e ainda sobrou para a marmitinha do dia seguinte. Esse rendeu, né?

Shepherd's Pie da Cris