terça-feira, 15 de julho de 2014

Risoto de frango e alho poró com legumes ao forno

Hoje a dispensa estava fantasmagórica e resgatar os remanescentes para a janta foi uma luta. Simplesmente tirei o tudo que tinha na geladeira (que não era muita coisa) e, aos poucos, as ideias foram surgindo. Como tinha ingredientes bacanas - arroz cozido, cenoura (resgatados da casa da mamãe, que foi viajar) vagem e alho poró do sítio, 2 carcaças de peito de frango, tomate e restinhos de queijo gruyére e gorgonzola - deu pra improvisar uma comidinha caprichada. Para começar, cozinhei as carcaças de frango na pressão por cerca de 10 minutos e soltei a carne que ainda tinha nelas. Depois, cozinhei as vagens inteiras e a cenoura cortada em bastonetes em água fervente por 5 minutos (separadamente) e depois mergulhei em água gelada para interromper o cozimento. Esse processo se chama branqueamento. Coloquei as vagens, a cenoura e 2 tomates cortados em 4 em uma forma pequena, temperei com sal, ervas de provence secas e azeite e coloquei no forno médio, onde ficaram durante uns 15 minutos. Para o risoto (falsificado, pois usei arroz branco e não arbóreo, já cozido), salteei o alho poró em um pouco de azeite, acrescentei o frango e salpiquei um pouco de sal. Juntei o arroz e duas conchas de caldo de frango - que sobrou do cozimento das carcaças - uma de cada vez, mexendo sempre até o caldo reduzir. Depois, acrescentei mais 1 xícara de vinho branco e fiz a mesma coisa. Abaixei o fogo e coloquei cerca de 1/3 de xícara de gorgonzola amassado com garfo e o 1/2 xícara de gruyére ralado. Misturei bem e deixei no fogo até os queijos derreterem (adivinha? mexendo sempre, claro). Resultado: jantar novinho em folha, sem gastar um tostão!  

Nada mal para um improviso, né?