segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Caderno de receitas

Você já conheceu alguém que tem um caderno de receitas decente? Apenas com as folhas preenchidas de forma caprichosa, sem nenhum recorte de revista, receitas cortadas de embalagens de mantimentos ou  anotadas em papel do século passado? Na verdade, eu não conheço muitas pessoas que têm um caderno de receita; organizado então, muito menos. O meu não é exceção. Ao contrário, é o próprio retrato do caos. Comprei em uma papelaria há uns dois anos (sério) e ele continua quase que completamente em branco! Contém apenas umas três receitas anotadas e as outras estão todas em folhas soltas de fontes variadas. Uma vergonha! Nem parece meu. Essa semana me propus a começar a organizar a bagunça e anotar pelo menos aquelas que estão em folhas de caderno amareladas. As demais vão para uma pasta com plástico. O legal desse tipo de organização é redescobrir receitas que você não faz há anos ou até que nunca saiu do papel! Sempre que dou uma olhadinha no arquivo, tenho vontade de fazer uma por uma! Não tenho tido o mínimo pique para ir para a cozinha nas últimas semanas e pensar no meu caderninho me inspirou. Já planejei um cardápio para a semana inteira, para ver se o meu lado Dona Benta desperta. Quem sabe algumas daquelas receitas não se materializam na minha cozinha?

Tem condição uma coisa dessa?